Bateu o fim do mês e mais uma vez vc não tem muita certeza de pra onde foi toda a sua grana? Até tem um palpite aqui e outro ali, mas nada de concreto? Se essa é a sua história de vida, a nossa notícia é a de que está na hora de virar esse jogo para evitar imprevistos. E a melhor forma é montando uma Planilha de Gastos Pessoais. Se pintou um medo, fique tranquilo. Vc vai ver que essa tabela é fácil e vai te ajudar bastante a controlar as finanças.

 

Simples divisão

Tudo começa por separar a planilha em despesas e receita (o dinheiro que entra pra vc). “Além disso, é importante considerar que o valor de entrada é líquido, ou seja, o seu salário já subtraído os descontos”, alerta Fábio Gallo, professor de finanças da FGV EAESP.

Também é importante que a cada mês vc inclua os possíveis acréscimos na receita, ou seja, alguma bonificação ou décimo terceiro, por exemplo - sempre descontando os impostos. A partir daí, a gente entra na próxima coluna (a mais temida): das despesas.

 

O quanto eu gasto

É indicado separar esse lado em dois grandes grupos: fixo e variável. “Na primeira classe entram aquelas despesas que se repetem todos os meses, como escola, condomínio, luz, gás, telefone, Internet, alimentação, planos de saúde e possíveis carnês ou parcelamentos”, conta Ana Beatriz Moraes, economista e coordenadora dos mestrados e da graduação em ciências contábeis do Ibmec RJ.

Já o gasto variável é aquele que vc pode controlar de alguma maneira, como por exemplo a comida fora de casa, ou então o delivery nosso de cada dia, sabe? Ou aquela comprinha pela Internet.

E dentro desses grandes grupos, vc deve criar subgrupos para os gastos da mesma natureza, por exemplo, o que for transporte, entretenimento, alimentação, e assim por diante.



App Credicard

Aqui vai mais uma dica preciosa: vc não precisa esperar a fatura final para saber quais foram as suas compras do mês. No app Credicard, vc tem todas as suas últimas compras disponíveis para consulta, conseguindo consultar a data e o valor da compra. Assim fica muito mais fácil de preencher a sua planilha e acompanhar tudo bem de perto ; )

 

O resultado

No fim das contas, literalmente, vc pega a sua receita e subtrai as suas despesas. Até aí, tudo bem. Mas o bom da Planilha de Gastos é que a gente consegue verificar exatamente o quanto está gastando em cada grupo e em qual deles pode reduzir o gasto para conseguir guardar dinheiro.

Depois de um certo tempo, a Planilha também ajudará vc a fazer projeções de meses futuros e algumas despesas pontuais, como IPVA, IPTU, seguro de carro, entre outros. Vc vai ver como, depois que começar, com certeza vc vai pensar: “por que eu nunca tinha feito isso antes?”. E a gente já está aqui ouvindo o seu “obrigado”. ;)